Logo APMT
Logo APMT

Rev José Roberto e Ivone

09/10/2023

Portugal, outubro 2023

Do que Deus tem feito conosco II E, promovendo-lhes, em cada igreja, a eleição de presbíteros, depois de orar com jejuns, os encomendaram ao Senhor em quem haviam crido. Atravessando a Pisídia, dirigiram-se a Panfília. 25 E, tendo anunciado a palavra em Perge, desceram a Atália e dali navegaram para Antioquia, onde tinham sido recomendados à graça de Deus para a obra que haviam já cumprido. Ali chegados, reunida a igreja, relataram quantas coisas fizera Deus com eles e como abrira aos gentios a porta da fé. E permaneceram não pouco tempo com os discípulos. (Atos 14:23-28)

Voltaram os apóstolos à presença de Jesus e lhe relataram tudo quanto haviam feito e ensinado. E ele lhes disse: Vinde repousar um pouco, à parte, num lugar deserto; porque eles não tinham tempo nem para comer, visto serem numerosos os que iam e vinham. Então, foram sós no barco para um lugar solitário. (Marcos 6:30-32)

A primeira jornada missionária de Paulo e Barnabé teve seu registo de início no capítulo 13.1.3 do livro de Atos. Chamados pelo Espírito de Deus e despedidos pela igreja, empreenderam longa viagem, por diversas cidades onde pregaram a judeus e gentios. Foram bem aceitos por uns, desprezados e perseguidos por outros. Uma das situações foi tão grave que apedrejaram a Paulo e ele foi tido como morto (14.19-20). Num determinado ponto voltaram para Listra e outras cidades para constituir presbíteros para cuidarem daqueles que haviam crido em Cristo. Então regressaram para onde começaram, em Antioquia, e passaram a relatar tudo o que Deus fizera com eles e como abrira aos gentios a porta da fé.

Em Marcos 6 lemos situação similar; Jesus enviara seus apóstolos para vários locais, “Então, saindo eles, pregavam ao povo que se arrependesse” (Mc. 6.12). Depois voltaram e relataram para Jesus tudo quanto eles haviam feito e ensinado. E Cristo, conhecedor que é da natureza humana e sensível às suas limitações, levou-os para um lugar tranquilo para descansar e recobrar forças do tempo intenso de trabalho. Tanto os 12 quanto depois, Paulo e Barnabé, estavam felizes em perceber o quanto Deus fizera por meio deles.

O Senhor deu à toda a Igreja a Grande Comissão. E alguns de nós, apoiados pela igreja, vão para as jornadas missionárias e é bom terminar um ciclo de trabalho no Senhor, descansar, cuidar de nós mesmos e poder relatar à igreja o que Deus tem feito através de nós.

Eu e a Ivone estamos no Brasil depois de mais um período de 5 anos no campo de Portugal. Por isto convidamos aos irmãos a agradecer pelo que o Senhor tem feito por meio de nós e a interceder por necessidades do campo e da nossa estada no Brasil.

Motivos de Gratidão:

1. Pelo lançamento do nosso livro: A Bênção de Servir: Instruções sobre o ministério diaconal. Tem sido bênção falar e propagar desse tema que tem-nos sido tão caro.
2. Pela cirurgia bucal da Ivone e da minha. Até aqui, tudo parece estar bem.
3. Pelos bons resultados nos meus exames de saúde geral.
4. Pelos exames do coração da Ivone e porque ela melhorou com o tratamento em vigor.
5. Pelo convite de alguns parceiros para estarmos juntos pessoalmente. Tem sido gratificante gozar da presença e do convívio desses irmãos.
6. Por algumas igrejas que têm-nos convidado para pregar e expor o projeto missionário. Louvamos a Deus pois estes momentos ensejam encorajamento mútuo, mesmo que parcerias não sejam estabelecidas.

Motivos de intercessão:

1. Pelo andamento dos trabalhos em Portugal, sobretudo em Póvoa de Varzim, pelos irmãos da cidade de São João da Madeira, Ovar e Aveiro.
2. Pelas vidas de pessoas próximas da nossa casa que têm entrado em contato conosco, interessadas no estudo da Palavra e nos cultos. Para que o Senhor as sustente e permita-nos dar provimento a este recente desafio.
3. Pela Ivone e os exames que há de fazer para posterior tratamento relativamente à tireoide e parótida.
4. Pelos resultados da mamografia da Ivone.
5. Para que Deus mantenha firmes os nossos parceiros e levante outros para suprir a nós e aos desafios do campo, investindo para provermos necessidades pontuais para equiparmos a igreja em Póvoa de Varzim. Esta igreja, graças a Deus, com excepcional esforço, sem depender de ajudar exterior, paga as despesas de aluguel, água e energia elétrica, mas chegou ao teto das suas possibilidades. Temos uma lista de desafios, como: Mixer (interface de som); 3 Microfones e 1 Microfone sem fio; Sistema Operacional para NoteBook; Câmera; 2 Caixas som, de parede; Mesa de Som; Notebook; Data Show; Divisórias; 2 Ar condicionado Frio/Quente. Para que O Senhor desperte irmãos no Brasil para resolvermos estes desafios.
6. Para que tenhamos recursos para os cuidados com nossa saúde e para a aquisição de um carro em melhores condições para o trabalho de campo.
7. Pela reunião com a APMT para tratarmos dos próximos passos do trabalho de campo.

No amor do Cordeiro,
Rev José Roberto da Silva e Ivone Rocha dos Santos Silva

Nosso Pix:

José Roberto da Silva:
Nubank: Pix (CPF): 067 896 468 84
Banco do Brasil: Pix: jrobertosil@gmail.com

Ivone Rocha dos Santos Silva
Santander Pix (CFP): 076 448 458 36

Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100077075303120

Publicações recentes:

Hidi

Cartas de Missionários

Rev. Ivam e Yet-Olívia

Cartas de Missionários

Não julgue um missionário pelo que ele tem

Artigos

Rev. Jairo e Kênia

Cartas de Missionários