Logo APMT
Logo APMT

Rev. P. O. e M.

Oriente Médio, julho de 2023

 

"Todos vocês que temem o Senhor, confiem nele, ele é seu auxílio e seu escudo. O Senhor se lembra de nós e nos abençoará, sim, abençoará o povo de Israel e os sacerdotes, descendentes de Arão. Abençoará os que temem o Senhor, tanto os grandes como os pequenos." Salmos 115.11-13

Inglaterra

 A igreja local viveu nos últimos dias a despedida de seu pastor, que segue para outro desafio ministerial. Por 12 anos ele esteve à frente dessa igreja, foi uma transição muito bonita, de forma gradual, e sempre amorosa. Rev. S. e sua família nos acolheram muito bem, e especialmente ele fez o que estava ao seu alcance para nos envolver e servir. Um exemplo de como fechar bem um ciclo. Somos gratos por ter esse tempo com eles.  As oportunidades de conversar com estrangeiros, alguns que não tem pleno domínio como nós, bem como com os locais, nos dão uma prática muito importante, como desejávamos nessa imersão. As crianças graças a Deus estāo bem, D. recebeu certificados de bom aluno, e tem avançado muito no inglês. A. também sempre alegre na creche. Ela precisa fazer uma nova avaliação na audição, para sabermos como ela pode ouvir melhor, e com isso não ter atraso na fala. J. segue se desenvolvendo muito bem. Celebramos os aniversários de A., J, e M. com alegria! Oriente Médio Completamos 10 meses aqui. É presente de Deus estar vivendo as experiências desse ano, embora nosso tempo aqui esteja acabando, e já no próximo informativo esperamos escrever do C*. Tivemos a oportunidade de expiar a terra, e visitamos as duas cidades em que nossa equipe atua. Inicialmente sonhávamos em estabelecer na cidade “E”, onde temos duas famílias de obreiros colegas de agência. Ao conhecer lá, avaliamos ser uma cidade com uma infraestrutura e logística mais difíceis para nossa família.  Já na cidade “S”, encontramos um ambiente mais acessível, e, com anuência da nossa agência, vamos nos instalar em setembro próximo. Lá temos uma ONG que pertence a nossa agência, e atende especialmente mulheres e crianças de um campo de refugiados. Sāo duas famílias mais uma obreira que atuam lá, também envolvidos com a igreja local, de curdos. Relacionamentos M. teve oportunidade de visitar uma colega de curso em sua casa, experimentando uma boa refeição típica, e as crianças brincaram bastante. Também com nossa vizinha que é do Curdistão, teve outros momentos de conversa. São pessoas de países fechados, mas aqui estão, em lugar totalmente aberto. P. segue na ONG, com muitos contatos que tem tido abertura pro evangelho. Tivemos a Semana do Refugiado, e conhecemos outros trabalhos de quem dá suporte a essas pessoas, mais de 108 milhões pelo mundo, muitos perdendo seu espaço físico, mas ávidos pela Morada Eterna com Cristo, mesmo que ainda não saibam. M. também mantém alguns atendimentos a trabalhadores, e participa de um grupo de proteção e cuidado a crianças, com ênfase no campo. Pudemos visitar J*, amiga do Brasil que mora com sua família próximo da nossa cidade, além de conectar com mais trabalhadores de passagem por aqui ou online. Festa I*  Está acontecendo nesses dias o Aid el Kebir, ou a Festa do Sacrifício, onde muçulmanos celebram o ato de Abraão levar seu filho ao sacrifício, em obediência a Alá. A grande diferença é que eles acreditam no filho prometido por Deus não ser Isaque, mas sim, Ismael. Um colega obreiro compartilhou isso da seguinte forma: “Essa é a mais importante das festas m*. Nessa ocasião, cada família sacrifica um animal ou faz uma doação de valor equivalente aos pobres para obter o favor de Deus. Dura três dias e é o ponto alto do grande ritual de peregrinação à Meca. A carne é compartilhada entre a família, os convidados e os pobres. São colocadas roupas novas, deseja-se à família, aos amigos e aos vizinhos uma festa feliz e as crianças recebem presentes”. Ore para o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo ser revelado a essas pessoas! Campanha: Diante de tantos desafios pra a entrada no campo, tais como: moradia, transporte, mobília da casa, seguros e imprevistos, temos um investimento considerável para ser feito. Tudo será com o dólar como base, o que encarece bastante esse momento. Queremos convidar você a participar disso! Listamos aqui três formas como exemplo: 

  1. Oferta individual única;
  2. 3 ofertas para julho, agosto e setembro;
  3. Levantando sua igreja ou pequeno grupo para uma oferta especial, como por exemplo, em agosto, por ocasião de Congresso de Missōes, Culto de ênfase missionária, ou outra iniciativa, como é tradição em várias igrejas da nossa denominação.

Se você deseja saber a previsão de gastos de um ítem específico, ou geral, é só nos dizer, e compartilhamos mais detalhadamente com você.  Motivos de oração: 

  1. Pela nossa mudança, e todos os processos que envolvem ela;
  2. Pela audição da A., para que tenha um diagnóstico e tratamento adequado;
  3. Por sabedoria do Senhor;
  4. Gratidão por 10 anos de casamento, dia 6 de julho!

Que o Senhor abençoe sua vida, e nos use como igreja dEle para anunciar as Boas Novas sobre a terra! P. O e M.

Publicações recentes:

Rev Vinícius e Elizabeth

Cartas de Missionários

Ana Karina

Cartas de Missionários

Rev Jean e Ruanny

Cartas de Missionários

Um Templo para Angola

Campanhas