Skip to content

Vinicius Bantim e Elizabeth

África do Sul, novembro de 2021

 

“Que darei eu ao Senhor, por todos os benefícios que me tem feito? Salmos 116.12

Ao fazer uma breve retrospectiva de tudo que vivemos no Africa do Sul neste quase quatro anos, vemos que a boa mão de Deus, sempre esteve conosco, mesmo quando achávamos que estávamos sós. A vida no campo missionário é composta de momentos bons e difíceis. Temos no coração a mesma pergunta, à cima, do salmista. Nos últimos dois meses vivemos varias coisas.

Infelizmente, no dia 19 de setembro, a Beth sofreu um aborto espontâneo, ela passou por uma curetagem, ficou hospitalizada e esteve em repouso para se recuperar física e emocionalmente. Foi um tempo muito dolorido para nós, pois era uma criança que estava sendo esperada com muita expectativa. Curtimos a noticia por apenas dez dias e o Senhor a recolheu.

Neste período, eu estava drenado fisicamente e este fato, assentou ainda mais o meu cansaço, então eu decidi dar uma pausa (um semestre) no mestrado para cuidar de família, do ministério e também de mim, pois ainda havia muita coisa para ser feito.

Estamos a todo vapor no processo de plantação na cidade de White River. A nossa congregação é multicultural, depois de seis meses que iniciamos o trabalho, hoje contamos com uma freqüência de quinze a vinte e cinco pessoas por culto. Somos de

quatro países e se fala sete línguas diferentes. A nossa igreja é a primeira congregação de fé reformada, em inglês, da cidade.

No dia 03 de outubro, tivemos a presença do Rev. Gessé e de sua esposa Iolanda Rios, em que o pastor trouxe um edificante sermão sobre o evento central da cruz Cristo em João 19, participando da séria de mensagem – A História de Deus.

Esta série de sermões, nós abordamos as seis cenas em que Deus revela a sua mensagem: Criação, Queda, Israel, Cristo, Igreja e Últimos dias. Isso tem trazido compreensão e firmeza na fé de nossos irmãos. Recentemente, num culto o jovem Lwandile, compartilhou com os irmãos, num momento de perguntas e respostas que:

“Esta igreja não é um ajuntamento de pessoas, mas uma família. Uma família que ama um ao outro, ama a Deus e ama a verdade. Sempre sinto que sou bem-vindo e respeitado por todos.” Quem conhece o peso da história a Africa do Sul, entende o peso de suas palavras.

Além da rotina normal de setembro, tivemos ainda em outubro:

  • O aniversário de cinco anos da Estherzinha, sendo o quarto no campo missionário;
  • Participamos do programa Missão Mundo da Radio IPB – Click no shorturl.at/cwKU8 e saiba mais sobre o nosso ministério de discipulado no campo missionário;
  • Organizamos e executamos o Acampamento Teorema e Teologia, nos dias 22-24/10, com apenas vinte jovens estudantes da Universidade de Mpumalanga, que ainda segue fechado por conta da Covid. Foram três dias intensos com varias aulas de matemática (revisão para os exames
    finais) e exposição bíblica do evangelho da graça. Tivemos inúmeros depoimentos de gratidão, aprendizagem e senso de comunidade;
  • Curso intensivo diariamente durante todo o mês de curso online de plantação de Igrejas Intensivo do City to City com outros 31 pastores de vários países da América Latina.

Três dias antes do acampamento a Estherzinha foi hospitalizada com uma infecção intestinal, em que passou por uma bateria de exames e medicamentos para desobstruir suas fezes que estavam petrificadas. Foi um momento de correria para atendê-la e também finalizar a organização do acampamento. Contudo o Senhor nos deu bom termo e todas as coisas concorreram para sua glória.

No final de setembro, a Beth e Esther pegaram um vôo para Cidade do Cabo para buscar seus vistos que foram emitidos depois de nove meses de espera. Trabalhamos todo mês de outubro para rodar o acampamento e agora depois de três anos e oito meses no campo missionário, no dia 07/11/21, com a graça de Deus, chegaremos ao Brasil para um tempo para descansar um pouco, visitar a família, amigos, igrejas parceiras, meu presbitério, a APMT e fazer alguns exames médicos. Temos muitas coisas para fazer no Brasil em pouco tempo e em fevereiro voltaremos a Africa do Sul para continuar a plantação, que segue com a família do Rev. Paul Schoenfeld, nossos parceiros.

O salmista levanta uma pergunta: Que darei eu ao Senhor, por todos os benefícios que me tem feito? (Sl 116.12), Obrigatoriamente, dou a mesma resposta: Tomarei o cálice da salvação, e invocarei o nome do Senhor. Pagarei os meus votos ao Senhor, agora, na presença de todo o seu povo (Sl 116:13-14). Queremos honrar a nossa salvação, sempre invocar ao Senhor e cumprir com os nossos votos de anunciar o nosso salvador. Estamos ansiosos para ir ao Brasil e doidos para voltar para África.

Agradecimento

  • Recuperação da saúde da Beth e da Esther
  • Organização e execução do acampamento com os estudantes
  • Pelos vistos emitidos da Beth e da Esther
  • Melhora considerável de minha saúde
  • Agradecemos a APMT, a coordenação do Rev. Gessé Rios e demais missionários da Base Austral da Africa por andarmos juntos nossos primeiros termos no campo missionário.
  • Agradecemos pelos parceiros e amigos que são incansáveis em orações, atenção e investimento para que o Projeto seja executado.

Pedidos de Orações

  • A plantação da Christ Church White River;
  • Viagem de férias ao Brasil da família Bantim;
  • Levantamento de novos parceiros e recursos para a plantação de igreja neste segundo ciclo.
  • Retorno a Africa no inicio do próximo ano.
  • Abertura do campus da Universidade de Mpumalanga para iniciar o discipulado entre os cinco mil estudantes.

Contatos

Rev. Vinicius Bantim

+27 65 505 7979 (WhatsApp) [email protected]

Elizabeth Bantim

+27 83 977 9810 (whatsapp) [email protected]

Pix – Banco do Brasil Pix – Banco Itaú

Vinicius S. Bantim Elizabete da S. Bantim

CPF: 003.242.661-54 Agência: 1817-1
C. Poup: 23001-4

CPF: 007.104.301-24 Agência: 0772 Conta: 06037-2

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos