Skip to content

UM MEIO OU UMA DESCULPA?

         O consultor, palestrante e autor de livros, Roberto Shinyashiki, é um referencial de entusiasmo humano no mundo contemporâneo. De certa forma Shinyashiki cumpre os princípios universais da Palavra de Deus, no que tange a motivar a alma humana, tombada pelo pecado e desmotivada em suas realizações. Talvez você conheça alguém assim, desmotivado, ensimesmado, acostumado ao “cativeiro”, como os judeus no Egito. Talvez você vive essa crise existencial em tua própria vida.

         Deus não nos fez para a derrota. O pecado entrou na história humana para destruir-nos. Mas, Jesus veio ao mundo para restaurar a condição caída do homem. Jesus disse: “…eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (Jo. 10:10b). Deus nos fez para o céu. Paulo disse em Rm. 8:37: “Em todas estas cousas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou”.

         Em um de seus pensamentos, Shinyashiki diz: “Não conheço ninguém que conseguiu realizar seu sonho, sem sacrificar feriados e domingos pelo menos uma centena de vezes. O sucesso é construído à noite! Durante o dia você faz o que todos fazem. Mas, para obter um resultado diferente da maioria, você tem que ser especial. Se fizer igual a todo mundo, obterá os mesmos resultados. Não se compare à maioria, pois, infelizmente ela não é o modelo de sucesso. Se você quiser atingir uma meta especial, terá que estudar no horário em que os outros estão tomando chopp com batatas fritas. Terá de planejar, enquanto os outros permanecem à frente da televisão. Terá de trabalhar enquanto os outros tomam sol à beira da piscina. A realização de um sonho depende de dedicação; há muita gente que espera que o sonho se realize por mágica, mas toda mágica é ilusão, e a ilusão não tira ninguém de onde está, em verdade a ilusão é combustível dos perdedores pois… quem quer fazer alguma coisa, encontra um meio. Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa”.

         Você tem encontrado um meio para vencer suas adversidades ou tem encontrado uma desculpa para seus fracassos? A quem você tem culpado diariamente: O governo? Sua condição social? Ter nascido em um país de Terceiro Mundo? Que tal buscar forças em Deus e dar a volta por cima? Que tal sonhar, como José do Egito, e não desaminar, mesmo quando as condições não te são favoráveis? Isso me faz lembrar o poema que Chico Buarque:

Sonhar, mais um sonho impossível

Lutar quando é fácil ceder

Vencer o inimigo invencível

Negar quando a regra é render

Sofrer a tortura implacável

Romper a incabível prisão

Voar num limite improvável

Tocar o inacessível chão

É minha lei, é minha questão

Virar este mundo

Cravar este chão

Não me importa saber se é terrível demais

Quantas guerras terei de vencer

Por um pouco de paz

E amanhã se este chão que eu beijei

For meu leito e perdão

Vou saber que valeu delirar

E morrer de paixão

E assim seja lá como for

Vai ter fim a infinita aflição

E o mundo vai ver uma flor

Brotar do impossível chão.

 

Rev. Cleber Macedo de Oliveira – Candidato da APMT

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos