Skip to content

Rev. Paulo Sícoli e Valeria

França, 15 de novembro de 2019

 

“Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação.”

(2 Timóteo 1:7)

Não são poucos os dias em que acordo e penso nos desafios que tenho à frente. Penso nas igrejas francesas cada vez mais vazias. Nos jovens que não querem saber e nem ouvir falar em fé ou religião. Nas estruturas eclesiásticas rígidas e imutáveis. Na falta de visão, de propósito e do conformismo que reina aqui em nossas igrejas.

Quando olho para a realidade das nossas igrejas cristãs aqui na Europa e especialmente na minha região da França, percebo que realmente não há esperança para esse tipo de fé que vivemos e praticamos hoje.

Os membros das igrejas que frequentam os cultos de domingo, estão felizes com um culto no domingo pela manhã onde ouvem uma palavra de conforto e não de confronto, cantam alguns belos louvorem e, como compartilhei em nossa última carta missionária, voltam para suas casas e para suas rotinas pacatas e confortáveis.

Não existe a possibilidade de um comprometimento mais sério com a evangelização, ou missões ou ser sal e luz em nossa cidade e região. Para muitos os almoços fraternais ou bingos comunitários com o intúito de levantar dinheiro para honrar os compromissos da igreja já é mais que o suficiente como presença da igreja na comunidade.

Como compartilhei em nossa última Carta do Campo, houve críticas duras quando passamos o filme “Deus não está morto” aqui na nossa cidade. Críticas de pessoas de dentro de nossa própria igreja e membro do conselho! Vivemos das glórias e lembranças do passado. Fomos um dia os Huguentes! O centro da resistência protestante de onde partiram inúmeros irmãos levando as sementes da Reforma para Europa e outras muitas partes do planeta à custo de muito sangue.

Sim, nossa história é linda, mas o que será que as futuras gerações dirão da história que escrevemos hoje, aqui? As vezes tenho medo de pensar no que o futuro reserva para as nossas igrejas francesas, mas como a própria Palavra diz: “Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação.”

Que essas palavras sejam uma realidade e gerem vida em nossas almas. Amém!

No mês de setembro, tivemos nossa pastoral onde mais de 30 pastores estiveram reunidos por quatro dias com suas famílias, para uma série de palestras sobre espiritualidade e descanso. Foram momentos preciosos poder reencontrar esses irmãos e amigos queridos.

Nosso projeto de vídeos está a todo vapor. Já recebemos alguns retornos de vários pastores. de igrejas do Senegal e de outros países que estão começando a usar nosso material. Glórias ao Pai!

Fomos convidados a darmos andamento num projeto de evangelismo para jovens, numa cidade próxima de onde moramos. Essa igreja possui um ônibus velho onde no passado alguns jovens se reuniam durante o período de intervalo da escola.

A idéia é transformar esse ônibus num fast-food bus, ou numa lanchonete onde os jovens poderão ficar durante o intervalo de almoço e depois das aulas. Ele está há 50 metros de distância de uma escola com quase 1000 alunos. Que oportunidade única de podermos nos aproximar e testemunhar do amor de Cristo a esses jovens!

Obrigado por sua parceria. Gostaríamos que você continuasse a orar por nossa família, ministério e pela França.

Entre em contato conosco pelo email: paulosicolifr@gmail.com
ou whatsapp: (33) 6 38 53 70 50

Se você quiser fazer parte desse ministério entre em contato conosco.
OBRIGADO!

Paulo e Valeria

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos