Skip to content

Rev. Luiz Augusto e Rachel Bueno

Portugal, março de 2021

 

“e não hei de eu ter compaixão da grande cidade?” (Iahweh ao profeta Jonas. Jn 4.11)

Queridos irmãos e amigos do Projeto Lusófono,
saudamos a todos vocês com a graça de nosso Senhor Jesus Cristo.

Estamos enviando nesta carta nossas últimas notícias e convidamos todos à oração e à súplica.

O mês de fevereiro e parte de março tem sido meses difíceis. Após o falecimento do pai do Luiz, vivenciamos o luto em orações e pedimos o consolo ao Senhor. Recebemos várias mensagens dos irmãos e amigos que oravam por nós pedindo o conforto do Senhor. Parece-nos que pesou ainda mais pois no mesmo dia que o Seu Raul veio a falecer, o governo português fechou as fronteiras aéreas com o Brasil, que ainda continuam fechadas.

Em fevereiro Rachel esteve em consulta com a médica do SNS (Sistema Nacional de Saúde) e foi orientada a realizar o procedimento para a retirada dos pólipos, e posteriormente irmos observando a situação dos miomas uterinos.

Após o cancelamento de nosso voo e o fechamento da fronteira aérea com o Brasil, estamos resignados a esperar que melhores dias venham para que, com o retorno dos voos, possamos voltar ao Brasil e passar um tempo de descanso. Já são 4 anos longe de nossos queridos e igrejas.

Temos muitas notícias de irmãos e amigos que partiram para o Senhor devido ao Covid, bem como de parentes de nossos amigos também. As nossas atividades online continuam. Nos domingos, através da página dos “Cristãos Presbiterianos da Covilhã”, transmitimos a Reflexão Bíblia Dominical, com o propósito de alcançar aqueles que vivem nos arredores da Covilhã e no Concelho. Temos sempre a presença de brasileiros, angolanos, além de alguns portugueses. Na quarta feira temos um grupo de estudo pela plataforma Zoom, sempre às 20h – (horário de Lisboa). Temos um grupo bem variado de pelo menos 18 pessoas (Portugueses, Caboverdeanos, Angolanos, Brasileiros e Colombianos) que desejam aprender as Escrituras. Tem sido realmente um encontro motivador e esperamos que outros mais continuem a tomar parte nesses estudos.

Temos partilhado mais de perto com um casal que vive na Covilhã, e que são colombianos e têm se esmerado no estudo das antigas doutrinas da graça. Todos temos sofrido com essa situação pandêmica, e por isso reafirmamos nosso compromisso de orar pelos irmãos, e como bem dizemos, vocês têm sido uma benção para nós e para o nosso ministério aqui na Covilhã. Aos irmãos que ainda não são nossos parceiros, se desejarem, podemos enviar-lhes nosso Projeto Missionário.

Pedimos continuamente orações pela Beatriz, à frente dos plantões e do Covid nas UTIs do Recife, pelo Pedro Augusto, que tem trabalhado na área de programação, e pelos pais da Rachel, Ubyrajara e Rosa.

Rogamos as mais ricas bênçãos de Deus sobre cada um e sobre cada igreja parceira. Esperamos que ainda este ano possamos encontrar em solo brasileiro alguns de vocês e partilharmos o que Deus tem feito nestes 4 anos. Orem por nós que oramos por vós continuamente.

Nosso abraço fraternal e que o Senhor vos cumule de saúde física e espiritual.

No amor de Cristo,

Luiz e Rachel Bueno

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos