Skip to content

Rev. Jorge e Jarci Neves (Oriente Médio) – Agosto

15/08/2014

PROJETO NUR

1. INTRODUÇÃO

Em 2004, fomos despertados para servir na Síria. Duas questões nos chamaram a atenção nessa escolha. Primeiro, as necessidades do povo e segundo, a carência de missionários para trabalhar com o povo Sírio.  Aqui estamos a mais de 2 anos atuando em cooperação com o  Sínodo Nacional Evangélico  da  Síria e do Líbano (The National Evangelical Synod  of Syria & Lebanon).  Devido ao contexto de guerra Civil na Síria, trabalhamos  como voluntários em uma Instituição  (Casa para idosos) do Sínodo e aguardamos o momento oportuno para  o nosso estabelecimento  na Síria.

 2. OBJETIVOS DO PROJETO

Apoiar o trabalho evangélico já existente;  dar suporte técnico e espiritual a um Hospital (Asilo para idosos) e fazer incursões na Síria com vista à realização de um trabalho social/evangelístico com refugiados de guerra. Todas essas ações visam fomentar uma postura missionária na Igreja existente, na expectativa de expandir o trabalho missionário na região. 

3. METODOLOGIA

Atuamos através do testemunho pessoal; do trabalho voluntário de qualidade; do apoio administrativo com a criação de formulários e outras ações administrativas; do compartilhamento;  do relacionamento efetivo com o Sínodo (pastores e membros), Igrejas e Instituições; da doação de materiais, roupas, comida, remédio e outros itens para pessoas carentes.  Através de visitação, aconselhamento  e aproveitamento de oportunidades na comunidade local.

Criação e manutenção de página no Facebook; apoio na organização da cozinha. Realizamos atividades recreativas com os idosos e manicure toda quarta feira, e para isso, compramos materiais, brinquedos e lanches, de acordo com as nossas disponibilidades financeiras.

Oportunidades de testemunho: através de filmes e pedindo para que leiam a Bíblia em árabe e nos ajudem a entender a “língua”. Assim estão tendo contato com as Escrituras.

Atividades pessoais: Culto doméstico, reuniões, visitas ao Sínodo, aprendizado do árabe, leituras, prática de exercícios físicos, atividades devocionais, leitura e resposta a e-mails, etc. Acompanhe as atividades no Hospital através da fanpage do facebook e aproveite e curta/like a página. 

4. RESULTADOS ALCANÇADOS

Família: Estamos firmes em nossa convicção missionária. Nossos filhos são os melhores de suas classes na Escola onde estudam e temos crescido a cada dia mais como família.

Hospital: Temos cumprido com a nossa  responsabilidade  voluntária e como resultado disso, gozamos da confiança da Administradora e da direção do Sínodo. Louvamos a Deus porque várias das nossas sugestões terem sido adotadas pela Instituição, como o processo de profissionalização  dos empregados da Instituição. Com a implantação da atividade semanal de recreação temos visto a satisfação dos residentes e recebido inúmeros elogios por parte de todos. Com a criação de um mercadinho para atender as demandas dos residentes, empregados e visitantes,  temos visto novas oportunidades de testemunhar, as quais tem sido aproveitadas. Gradativamente, começamos a visitar pessoas na comunidade local, o que nos tem possibilitado o testemunho pessoal. 

Igreja em Beirute: Contamos com o carinho do pastor e família, bem como dos demais irmãos. Nessa Igreja devolvemos o nosso dízimo. Para gerar alguma influência é preciso tempo, paciência e sabedoria.

Síria: Mantemos contato com famílias, pastores e outras pessoas da Síria. Ninguém sabe quando a guerra terminará. A situação continua complicada e sem expectativas de melhoria. Mas nesse cenário, além de orar, estamos desenvolvendo relacionamento de amizade com Sírios que trabalham aqui no Hospital e moram lá. Já tivemos vários cafés e reuniões com eles.  Entendemos que temos alcançado os resultados possíveis. Vamos semeando, pois é Deus quem sabe de todas as coisas!

Fizemos uma reunião com pastores e lideranças  da Igreja da Síria e do Líbano para pensar os rumos da Igreja  nesse contexto de guerra e instabilidade missionária. O país é Instável, os ataques terroristas continuam acontecendo mas Deus é o mesmo ontem, hoje e para todo o sempre.  Por Ele estamos dispostos a viver ou a morrer.

5. Conclusões

Louvamos a Deus pela oportunidade de servi-lo aqui no Oriente Médio. Não sabemos quando a guerra civil na Síria acabará, ou se outras guerras aparecerão. Não tenho mais um cronograma… Deus sabe que estamos nas mãos Dele. Nesse intervalo, entendemos que o projeto missionário está acontecendo. Continuamos contando com a parceria da Igreja nessa missão e a Deus seja toda honra e toda glória! Louvado seja  Deus por tudo.

Interceda por:

  • Sabedoria para sermos relevantes em nossos relacionamentos;
  • pelo fim da guerra na Síra, no Iraque, na Palestina;
  • Pela Igreja daqui; pela APMT e por novos mantenedores.

 

Jorge e Jarci Neves 

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos