Skip to content

Rev. Jairo e Kênia Rodrigues (Peru) – Agosto

05/08/2014

Reflexão

"Elias era humano como nós. Ele orou fervorosamente para que não chovesse, e não choveu sobre a terra durante três anos e meio. Orou outra vez, e os céus enviaram chuva, e a terra produziu os seus frutos." Tiago 5:17-18 NVI

Quantas vezes já lemos este texto escrito por Tiago? Ou quantas vezes já escutamos este texto? Principalmente quando estamos passando por momento de provas e adversidades. Já estamos tão acostumados com essa passagem, que perdemos a essência do ensinamento do texto, ou a verdade que Deus quer que esteja sempre  presente em nossas vidas.

Paulo escreveu as seguintes palavras aos filipenses: “Finalmente, meus irmãos, alegrem-se no Senhor! Escrever de novo as mesmas coisas não é cansativo para mim e é uma segurança para vocês”. Fl 3:1 NVI

O próprio apostolo foi inspirado a repetir certas coisas a estes primeiros cristão. E é certo que às vezes esquecemos das coisas, ou a pressão do momento não nos permitem lembrar.

O que Tiago nos anima é a ser,os mais atrevidos, audazes na nossa vida de oração. E usa a vida de Elias como exemplo, mostrando que ele era homem como nós.

Vemos aqui a grandeza de Elias. Ele não radicava no que era, mas sim no Deus que ele cria. A grandeza não era de Tiago, era de Deus.

Em um mundo com tantos desafios missionários e sociais – onde existem milhares de necessidades que podem nos desanimar e nos impulsar a querer fugir e morrer –,  devemos orar, orar e orar, até a resposta chegar, ainda que seja como uma nuvem que cabe em nossa mão. Se esta é a resposta do Senhor, será mais que o suficiente para a circunstância que estamos passando. A preocupação é um substituto da oração, a oração é a cura para a preocupação. A preocupação se centra no homem, e a oração se centra em Deus.

Notícias

Nestes últimos dois meses, estivemos cheios de atividades ministeriais. Foram feitas nove pequenas viagens para ditar os curso para homens, mulheres e escola para pais em diferentes cidades do Peru. Estamos chegando a quase 100 igrejas no país e algumas fora. Os testemunhos das vidas que estão experimentando um processo de mudança são muitos e nos alegram de ver como Deus tem usado este método para tocar tantas vidas. Para não ser muito longo comentaremos alguns:

  1. Estivemos na cidade de Huancayo falando sobre família e logo no final do primeiro dia,um homem se aproximou e disse: “Agora sei como posso melhorar o meu casamento. Era isso que precisava saber e entender sobre a minha responsabilidade cuidar do meu casamento. Sou o único responsável do que acontece no meu lar para bem ou para mal”.
  2. Outro homem depois de participar do curso de Integridade Sexual, disse ao seu pastor: “Estou tão tocado por esse curso e pelos princípios para uma vida santa que quero ser o professor desse curso. Para ajudar a muitos homens a guardar a sua virgindade enquanto ainda são jovens e quando casados, a serem melhores esposos e fieis a suas esposa, por toda a sua vida”.
  3. Uma mulher falou com a Kenia no final do curso com as mulheres: “Esse curso me ajudou muito espiritualmente, como Deus me vê, como Ele me ama e me quer usar. Aprendi muito a como me valorizar, a amar o meu esposo, filhos, e tudo o que Deus me deu. Entendi o que significa ser femenina e isso me impactou; agora posso passar isso à minha filha, e desde agora, estou buscando elogiar meu esposo e filhos, pois eu não sabia fazer isso, e me sinto muito bem.” (Mercedes de Piura – Peru)
  4. Nas escola do país, Deus tem feito algo tremendo. Depois de uma das aulas sobre como os pais podem, com suas palavras gestos e ações negativas, fechar o coração dos filhos, a diretora fez o seguinte comentário: “Nunca vimos tantos comentários positivos sobre algo que fazemos que é negativo com os filhos. Muitos pais diziam: ‘agora entendo por que sou como sou e por que trato mau os meus filhos; quero mudar, pois não quero que eles sejam como eu’“. Ao mesmo tempo estes pais, que nunca demostraram tanto interesse pela escola, agora perguntavam quando será a próxima clase.
  5. Outro diretor disse: “Queremos que vocês venham aqui todos os meses. Cada vez que temos essas palestras, algo fica em nós. E é bom para nossas vidas e para o colégio”. Outro professor, conversando comigo pelo chat disse: “Pastor, o que vocês têm ensinado tem sido muito bom, mais é difícil de viver na prática” eu disse para ele: “por isto precisamos de Deus, somente Ele nos pode ajudar a vivier como Ee quer”.
  6. Também esteve conosco a missionaria Emma de Castro, esposa do Rev. Cornélio, que trabalharam muitos anos no Paraguay, e agora ela trabalha na aréa de comunicação da APMT. Emma nos acompanhou em uma destas viagens à cidade de Cusco e deixou seu testemunho:

 

“Tive a oportunidade de presenciar algumas palestras dos cursos para homens, mulheres e familia, oferecido pelo Jairo e a Kenia em Cusco, Peru. Fiquei muito impactada com a maneira como eles abordam temas pontuais e práticos da vida diaria. 

Nas palavras e atitudes diárias é que são detectados os problemas de relacionamento dos casais e de toda a familia, que no mundo inteiro está em crisse. 

Ouvi o testemunho de líderes das igrejas, sobre o impacto e as mudanças que está causando a ministração desses cursos nos lares que sao alcancados. Pois, ao resgatar o papel do homem, da mulher e dos filhos na familia, conforme o propósito inicial creado por Deus, a familia resgata a alegria e a plenitude de desfrutar da vida com alegria.”

Ao se referir ao casal Jairo e Kenia, o Pr. Fabricio Allauca disse:

"Vimos a necessidade de trabalhar com as famílias da igreja e também convidar pessoas que não conhecem a Cristo, porque estamos concientes que as famílias hoje estao desajustadas. Procuramos algumas pessoas que poderiam nos ajudar, e escolhemos o melhor casal da América Latina porque eles não somente ensinam os pricípios da Palavra, como também os vivem na prática, e é isso que faz a diferencia.

Meu desejo é que este ministério se fortaleça, creça e se multiplique ainda mais, assim como eles estao fazendo, treinando outros líderes para alcançar mais famílias pala a Glória de Deus.”

  1. Você pode ter um pouco mais de detalhes assistindo ao video no youtube do nosso trabalho.

Gratidão

  1. Deixamos nosso agradecimento pelo suas orações pela nossa família Kênia eu, Junior, Kaleb, Thalyta e Thatyane, que Deus tem cuidado de nós, usado, sustentato e protegido nesses 20 anos aqui no Peru.
  2. Agradecemos pelas viagens para ensinar em diferentes cidades de américa do sul e Central como Valledupar e Bogota – Colombia e Uruapam e Temascalcingo e Cidade de México – Méxic, entre outros.
  3. Também agradecemos por nos usar dentro do Peru, estamos ensinando diferentes cursos para famílias, homens, mulheres e como criar filhos em diferentes igrejas, escolas, como boa aceitação.
  4. Agradecemos a Deus que somente nesses dois últimos meses foram realizadas nove viagens a diferentes cidades araças à cooperação de vários irmãos. E podemos atender a várias igrejas  escola na cidade de Lima.
  5. Agrademos a Deus pela forma espetacular como ele tem tocado vidas através desses curso. Os testemunhos acima falam por si mesmos.
  6. Agradecemos a Deus que, de forma abundante, tem supriu nossas necessidades para fazer essas viagens, ainda que não temos orçamento para isso. Temos ido e voltada com a graça a Deus. Nesses dois meses ganhamos quatrp passagens, aqui dentro do Peru, para fazer estas viagens.

Pedidos de oração

  1. Por nossa família afim de que sempre estejamos prontos para servir e cumprir o chamado que Deus tem para nós. E que Deus nos mantenha sempre em excelentes condições espirituais, emocionais e físicas.
  2. Pelos treinamentos nos diferentes cursos. Até o final do ano, temos que voltar às igrejas, pois como mencionamos tem diferentes níveis. Para que Deus siga suprindo para esta boa obra.
  3. Por nossos filhos, Thalyta e Thatyane, que estão no ensino fundamental, Kaleb no ensino médio e Junior, segundo semestre da faculdade de Comércio Exterior e Marketing. Para que todos continuem aprendendo, crescendo e sendo excelentes alunos e cristão nesses ambientes.
  4. Pelo trabalho que estamos realizando com a Ig Presbiteriana no Peru para que possamos ser instrumentos de Deus, dentro das necessidades que existem.
  5. Pela afiliação definitiva minha (Jairo) e processo de ordenação ao pastorado na IPB. Para que possa ser recebido na APMT como pastor presbiteriano e seguir trabalhando no campo como tal.
  6. Para que Deus possa suprir as necessidades da família e ministério até o final do ano.
  7. Para que Deus possa prover os recursos para ir ao Brasil em outubro afim de apresentar e testemunhar do trabalho que temos realizado aqui e o que faremos para o futuro.

Em Cristo Jesus juntos na evangelização do mundo.

Jairo e Kenia. 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos