Skip to content

Rev. Humberto e Brandali Oliveira (Italia) – 14/10/2013

Queridos colaboradores

 

A nossa geração é talvez a mais iluminada que tenha existido, são conhecimentos ambientais avanços tecnológicos em todas as áreas.

Mas também nossa geração pode ser definida como a mais cega, para isso é simples ver o número de pessoas nos chamados países desenvolvidos que cometem suicídio, que recorrem a astrologia e práticas supersticiosas orientais, são doentes de mente com esquizofrenias, de- pressão, ataques de pânico entre outros problemas e tudo isso é somente um indicativo, a falência do esforço humano em alcançar a felicidade.

Apesar de iluminação no campo do saber nossa geração secularizada é incapaz de responder as mais profundas necessidades humanas, hoje é muito difusa a ideia em terras euro- peias da religião da comodidade pessoal, onde não necessitamos seguir regras e preceitos, o conceito hoje é o de liberdade de escolha, no caso do cristianismo usamos aqueles preceitos e pontos que preferimos e retiramos aqueles que não interessam, é como estar em um supermerado ou em um restaurante, sendo assim Deus se transforma de acordo com a escolha pessoal, uma força, um princípio da natureza, se escolhe um deus de natureza boa e tolerante a tudo, que perdoe tudo, em teoria um deus de amor. Ainda que isso não seja amor, cada vez mais ve- mos a nossa geração trabalhar para eliminar a responsabilidade pessoal pelos seus atos, a psiquiatria está eliminando a culpa, criminosos cruéis e brutais saem das prisões com um mínimo de tempo possível, e a ideia em geral é que o importante é ter uma crença pessoal, afinal de contas no final todo mundo entra no céu.

O que vemos na Europa de hoje é uma confusão total, e o que poderíamos definir como vitória do subjetivismo.

O Deus da Bíblia, Jesus Cristo, não tem nada em comum com o que a geração de iluminados de hoje tem crido ou feito, o Deus das Escrituras não tem nada a ver com o subjetivismo de hoje, é um Deus que revela seu amor, e claramente mostra o certo e o errado, um Deus que deixa bem claro a nossa pecaminosidade pessoal e a nossa responsabilidade pelos nossos atos, e também não é verdade que todos no final serão perdoados e salvos isso não está escrito em nenhuma parte das escrituras.

Em meio à crise econômica que atravessa a Itália, a esperança inicial era de que as pessoas se abrissem mais a Palavra, porém vemos a cada dia, mais corações endurecidos que2

Passamos 45 dias no Brasil para renovar nosso contrato missionário com a APMT, visitar algumas igrejas parceiras, rever familiares e amigos, foi um tempo muito bom.

Logo que voltamos a Branda retomou seus controles médicos e em um desses controles recebeu a notícia que deveria ser operada meio que de urgência, graças a Deus tudo ocorreu bem e ela praticamente já se recuperou.

Nos dias 1 e 2 de Novembro a Brandali está planejando o curso gratuito de artesanato criativo, a Sueli esposa do Rev. Walter (Espanha) vai estar conosco para dar inicio ao curso.

O propósito desse primeiro curso é estabelecer pontes de amizade e quebrar as barreiras para podermos comunicar o evangelho, a ideia é seguir dando os cursos uma vez por semana.

Vou encaminhar para vocês o projeto da Brandali que espera levantar os recursos necessários para poder comprar matérias e dar continuidade ao trabalho.

Oremos…

 

Agradecendo ao Senhor, o tempo que passamos no Brasil, e também pelas igrejas e irmãos que fazem parte desta obra missionaria conosco aqui na Itália.

Agradecendo ao Senhor pela saúde da Brandali, que esta melhor agora, depois da cirurgia de emergência que fez.

Pelo povo italiano que muito mais que uma crise econômica, vivem uma profunda cri- se espiritual. Somente 1.500 das 33.500 comunidades da Itália tem um testemunho evangélico estabelecido.

Pela necessidade de missionários que é grande, mas que sejam pessoas que tenham resistência espiritual, maturidade emocional, adaptabilidade cultural e fé dada por Deus.

Para que o nosso pequeno grupo assuma o custo do discipulado, de levar a cruz e seguir o Senhor, que a preocupação com finanças assuma uma condição secundaria, que Deus seja o centro suas vidas .

Para que os filhos sejam guardados e guiadas pelo Senhor na escola e universidade dia a dia e que tenham saúde e motivação.

Para que a Brandali consiga levantar parceiros específicos para a oficina de artesanatos que começará dia 01/11/13 e que através deste trabalho, pessoas venham ao conhecimento do Senhor.

Pelas reuniões de oração realizada entre as mulheres com algumas novas convertidas; que elas possam perseverar.

Pelas pessoas que tem se aproximado da igreja, muitos não tinham onde congregar.

 

Rev. Humberto, Brandali, Miqueias e Lucas

www.chiesapresbiteriana.com

Se desejar contribuir entre em contato conosco.

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos