Skip to content

Rev. Gerson Troques ( Senegal) – 18/01/2012

I – Gerais:

1. Tempo no Brasil – Tivemos um tempo muito proveitoso de 06 de agosto a 02 de novembro, na nossa terra. Foi uma bênção revermos irmãos e conhecermos outros, bem como igrejas. Naturalmente, que também louvamos muito ao Pai pelo tempo em família que Ele nos proporcionou. Também pudemos fazer tratamentos de saúde e dentário, e recebemos os atestados que estamos em condições de continuar os trabalhos.

2. Retomada dos trabalhos no Senegal:

Marilia no atendimento de saúde aos meninos de rua, e nas aldeias.

Também continuamos nosso trabalho de evangelização e plantação de igrejas na região de Thioffior. Em média, vamos 03 finais de semana por mês, quando participamos com o obreiro nacional João Noel Diouf nas atividades desenvolvidas lá: Clube das Crianças nos sábados à tarde, Escola Dominical/Culto nos domingos pela manhã, e visitas evangelísticas nas aldeias: pudemos passar filmes evangelísticos em três ocasiões, com cerca de 370 pessoas tendo oportunidade de ouvir a Palavra de salvação.

Além disso, continuamos no aprendizado do wolof, que é a língua local mais falada no país, e também procurando sempre melhorar o francês.

II – Em Dakar:

3. Primeira turma da Costura. Tivemos 05 alunos, que são jovens que estão querendo deixar as ruas. Estes terminaram o nível 01 – costura reta. A professora foi a irmã Zeneide, missionária em sistema de parceria conosco, com o auxílio dos obreiros nacionais que trabalham conosco. Durante todo o curso foi ministrada a Palavra de Deus nas devocionais diárias.

4. Encerramento do Curso AEI (Alfabetização Evangelização Internacional) – foram vários meses de investimento feitos pela Zeneide e pelo Billy, obreiro conosco no Projeto Dignidade. No começo havia cerca de 10 alunos, mas devido a termos interrompido as atividades devido à perseguição, um somente perseverou até o final. Ele teve a oportunidade de conhecer a Palavra de Deus neste tempo. Continuemos em oração pelo Samba.

5. Curso de aprendizado de línguas com uso de computadores – Graças a Deus temos cerca de 12 alunos continuando o aprendizado. É muito edificante participar das reuniões de oração nas terças-feiras à noite e ouvir os testemunhos deles do quanto tem sido bom conhecer a Palavra de Deus e também fazer os cursos com os computadores e de costura. O Sheik, que tem cerca de 18 anos, na semana passada, compartilhou que estava muito contente, pois pela primeira vez, não teve desejo de ir à grande reunião islâmica na cidade considerada sagrada de Touba, porque, agora, nas suas palavras, “eu conheço a verdade”.

6. Surlei – menino que tem cerca de 10 anos, que tem vindo nas reuniões de oração na nossa casa em Dakar – Marilia o internou por alguns dias na nossa casa, devido a forte problema de pneumonia  e crise asmática. Ela pensou até que ele poderia ir a óbito quando viu o estado em que se encontrava. Graças a Deus, depois de alguns dias, e fazendo o tratamento adequado, ele ficou bom novamente, e está animado como aluno no curso de línguas. Ele compartilhou, na reunião de oração passada, que está muito grato a Deus pela oportunidade de aprender o francês, através dos computadores, no Projeto Dignité. Sempre nas reuniões ele diz da gratidão a Deus de poder conhecer a Sua Palavra.

III – Em Thioffior, aldeia a cerca de 240 km de Dakar:

7. Culto de Natal – Passamos o Natal na aldeia, participamos no culto, foi um momento muito especial. O povo serere, que é a etnia daquela aldeia, é muito alegre, as pessoas gostam muito de dançar, mesmo nos cultos é muito interessante ver a animação deles. Quando vemos estas manifestações de alegria, ficamos ainda mais encorajados a continuar o trabalho de evangelização. Queremos ver mais e mais vidas com a liberdade em Cristo, não mais presas ao poder das trevas, amarradas pelos pactos com os espíritos e nas cerimônias da tradição. O texto que nos vem à mente é: “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres” (João.8.36) – Aleluia!!!

8. Primeira Formatura do Curso de Costura: Tivemos o culto de louvor a Deus pela formatura de 05 mulheres no dia 26 de novembro, sábado. Presentes cerca de 150 pessoas. Foi um momento muito especial de louvor a Deus pela formatura e de partilhar Sua Palavra com os presentes. O curso continua, com as 05 alunas passando para a etapa seguinte, e mais 10 começando.

9. Diamme, jovem com cerca de 17 anos – ouvimos o seu testemunho – antes dava a volta na aldeia, para que as pessoas não o vissem vindo às reuniões. Agora, vem diretamente, não tem mais vergonha. Está fazendo os estudos bíblicos para ser membro; o seu pai foi o primeiro convertido da aldeia, e segundo o obreiro João Noel nos relatou, morreu com a Bíblia debaixo da cabeça. Demonstrava grande alegria de ouvir de Jesus Cristo, mesmo no sofrimento com a doença que o levou à morte. No dia em que faleceu, João Noel disse que iria orar por ele, para que Deus o curasse, e ele respondeu: “não, vamos deixar nas mãos de Deus”. Depois de duas horas morreu. Oremos pelo Diamme, que Deus o sustente e os outros jovens que estão participando dos estudos bíblicos com vistas a serem recebidos por Profissão de Fé e Batismo.

 

Motivos de Intercessão:

 

I – Gerais:

1. Orem pelo povo senegalês – para que a Verdade que liberta possa ser proclamada e muitos sejam salvos em Cristo – no dia 12 deste mês, houve uma grande peregrinação para a cidade de touba, considerada como cidade santa, com 750 mil habitantes. É a segunda maior cidade do Senegal, que fica a 193 km de Dakar. Segundo os jornalistas, mais de 3 milhões de pessoas fizeram esta peregrinação, e mais de 110 mil carros chegaram à cidade, pois todos queriam receber as bênçãos do Marabu Serigne Salihou Mbacké. A cada ano, o número de seguidores tem aumentado. A mesquita é a maior e mais rica de todo o Senegal. O marabu de Touba é considerado o homem mais santo do Senegal, e os murides (seus seguidores), acreditam que ele pode levar as pessoas ao Paraíso.

2. Eleições para presidente no Senegal – continuamos em oração pela eleições que estão marcadas para o dia 26 de fevereiro. Há vários candidatos, inclusive o presidente, que está concorrendo a um terceiro mandato, o que está causando polêmica e manifestações em contrário. Temos orado pela paz no Senegal.

 

II. Projeto Dignidade em Dakar:

3. Continuidade das atividades – Amanhã, quinta-feira, recomeçam as aulas de costura, agora com a professora Awa. É uma senhora senegaleza cristã. Vamos orar por ela, para que sua família também seja alcançada com a Palavra, e pelo curso e pelos alunos  – continuidade  no nível 02 dos que fizeram o nível 01, e os novos que começarão.  A previsão é de termos 10 alunos.

4. Curso de aprendizado de línguas com o uso de computadores: para que os alunos que vem diariamente fazer as aulas possam ser ter seus corações receptivos à Palavra que é ministrada.

5. Billy e Papis – obreiros nacionais que monitoram os cursos, que tem a responsabilidade de acompanhar os alunos, auxiliá-los nas dificuldades, fazer momentos de conversação em francês, e fazer a meditação bíblica e oração a cada aula.

 

III. Projeto Dignidade em Thioffior (aldeia a cerca de 240 km de Dakar):

 

6. Discipulado: Há alguns jovens recebendo discipulado pessoal com o obreiro João Noel, com possibilidade de depois professarem a fé e serem batizados: Rapazes: Diamme, Macoumba, Ibou, Daniel, Pape; Moças: Mami e Fatou; Orem conosco para que Deus os fortaleça na fé, que possam ser um testemunho vivo para os outros que habitam naquela aldeia.

7. Curso de Costura – pelas novas alunas. Continuamos em oração por elas e pelo professor Sidy Diouf – eles não são crentes, o professor é muçulmano, e o obreiro João Noel traz uma meditação, em média, três vezes por semana. O Sidy tem vindo de vez em quando nos cultos do domingo.

8. Badou Daram – Bebê para o qual fornecemos suporte financeiro para tratamento no Hospital em Kaolack – continuidade da recuperação da sua saúde;

9. Bonifácio (nome em serere: Guêdjie Diouf) – Ele tem tido um bom crescimento espiritual, e tem o desejo de alcançar outras aldeias com a mensagem do Evangelho. Estamos em oração sobre como fazer para capacitá-lo e auxiliá-lo neste trabalho;

10. Construção do templo – temos orado por uma equipe de construtores que possa vir para construir, e, se possível, que a(s) igreja(s) que os enviarem participem nos materiais necessários;

11. Curso de línguas com o uso de computadores – que Deus continue a usar este trabalho para que muitos meninos e jovens possam ter oportunidade de aprender o francês e/ou inglês, espanhol e português, mas acima de tudo, conhecerem mais a Deus e seu plano de salvação, através das ministrações da Palavra pelo obreiro João Noel.

12. Jean Sarr – É um dos anciãos da aldeia. Ele diz que sabe da verdade, mas que precisa de força para deixar o álcool e não mais cair nas estrategias dos seus amigos para tê-lo na bebedeira e longe da Igreja. Orem conosco pelo Sr. Sarr, que o Espírito Santo aja poderosamente na vida dele, trazendo libertação e firmeza na fé. Um outro ancião da aldeia disse para mim que incentiva muito o trabalho que fazemos com as crianças, mostrando o caminho de salvação em Jesus Cristo. Ele disse que eles, os velhos, não tem mais jeito, por causa dos pactos, mas que as crianças podem ter outra vida, pois ainda não fizeram os pactos. Oremos por este homem, e outros como ele, presos nos laços do Diabo, e que eles possam compreender que a mensagem é também para eles. Ministrei isto a ele, e orei com ele.

 

13. Projeções do Filme Jesus e outros evangelísticos nas aldeias: que Deus nos dirija às aldeias que Ele quer alcançar, e que muitas vidas sejam tocadas pelo Espírito Santo, sendo transformadas, para a glória de Deus.

3. Mbour:

14. Trabalho com Talibês e Cursos de Formação – Estamos, a partir do dia 12, habitando em uma casa em Mbour. Continuamos com uma casa alugada em Dakar, para a continuidade dos projetos.   

O objetivo de mudarmos para Mbour é estarmos mais perto das aldeias, com as quais estamos trabalhando. Não precisaremos mais enfrentar horas de congestionamento na saída de Dakar até Mbour.

Vemos esta mudança para Mbour como um alargar das tendas, como uma expansão ministerial, ou seja, continuarmos com o projeto em Dakar e estamos em oração por abrirmos um novo espaço em Mbour.

Há inúmeros meninos pelas ruas, os chamados talibês, e nos arde o coração o desejo de vê-los tendo oportunidade de conhecer a Jesus Cristo e a vida “em abundância” que Ele tem para os seus. Pretendemos oferecer o Café da Manhã Evangelístico para os talibês, e para jovens e adultos os cursos de costura, aprendizado de línguas com uso de computadores, se possível também informática, e alfabetização. Temos orado para que Deus nos mostre uma casa com bom espaço e bom preço no aluguel, e que não haja problemas com vizinhos e com religiosos muçulmanos e animistas. Também temos orado por obreiros para trabalharem neste empreendimento missionário. Precisamos também discernir sobre o quando, devido a esta época de incertezas no Senegal, por causa da eleição para presidente a ocorrer no final de fevereiro.

 

Palavra final:

 

Louvamos imensamente a Deus pela vida de cada um de vocês, e pelas igrejas que tem estado conosco em oração e investimentos. Cada vez que recebemos suas palavras de encorajamento nas mensagens ou que vemos as entradas nas contas, nosso coração se alegra no Deus provedor, que é Fiel em suprir as nossas necessidades e o necessário para que a obra que Ele nos confiou a fazer neste país continue. Sempre que faço saques aqui no Senegal, quando ouço o barulho da máquina que indica que a transação deu certo, vem uma frase na minha mente: “a vida continua, o trabalho continua, Obrigado, Senhor!”. Vocês são parte disso! Muito obrigado!!!

 

Grande abraço a todos.

Em Cristo,

Gerson e Marilia.

 

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos