Skip to content

Resumo do relatório das Nações sobre a Coréia do Norte

Após uma investigação que durou um ano, as violações generalizadas dos direitos humanos na

Coreia do Norte foram formalmente reconhecido pela Comissão de Inquérito da ONU sobre a Coreia do
Norte. Foram ouvidas histórias pessoais das atrocidades descritas no relatório de desertores norte-coreanos. Este reconhecimento apesar de muito atrasado, deve estimular a comunidade internacional a aumentar o apoio para o povo norte-coreano por mudanças dentro de seu país.

O relatório tem mais de 300 páginas, sendo muito difícil para resumir no pouco espaço que temos aqui. Mencionamos abaixo apenas as principais conclusões do relatório:
1. Os crimes contra a humanidade ocorridos na Coreia do Norte são incomparáveis no mundo contemporâneo. Elas incluem assassinato, escravidão, tortura, prisão, estupro, abortos forçados e outras formas de violência sexual. Perseguição por motivos políticos, religiosos, raciais e de gênero, desaparecimento forçado de famílias inteiras e a fome da maioria da população;
2. As atrocidades indescritíveis contra os presos dos campos de prisioneiros políticos lembram os horrores dos campos dos Estados totalitários estabelecidos durante o século XX. Estes acampamentos de execuções públicas servem como o meio mais efetivo para aterrorizar a população;
3. O regime usa a comida como um meio de controle sobre a população. Quem não apoia o regime, não recebe alimentos; 4. Os refugiados são sistematicamente sujeitos a perseguição, tortura, detenção arbitrária prolongada e, em alguns casos, sofrem violência sexual;
5. Mulheres grávidas são regularmente sujeitas a abortos forçados;
6. O povo norte-coreano não tem acesso a informações de fora. O acesso a transmissões de televisão e rádio, bem como à internet, são severamente restrita, e todo o conteúdo de mídia é fortemente censurada;
7. O povo norte-coreano não tem liberdade de movimento. Eles não estão autorizados a viajar dentro do país sem autorização oficial. Esta política é impulsionada pelo desejo de maximizar o controle do regime, em detrimento dos laços sociais e familiares.

Então, o que vai acontecer agora?
1. Usar meios para que o povo norte-coreano fique por dentro do relatório, sabendo que a comunidade internacional está se concentrando em seus direitos humanos;
2. O relatório ajudará a comunidade internacional a compreender a necessidade urgente de mobilizar mais apoio para o povo norte- coreano.

O povo norte-coreano precisa de mudança em o seu país, e apoio do mundo pode ajudar a acelerar essas mudanças. A ONU espera que este relatório sirva como uma chamada de despertar para o mundo a se concentrar mais sobre os desafios enfrentados pelo povo norte-coreano.

Parece que as coisas estão para mudar na Coreia. Você faz parte dessa mudança, pois através das nossas intercessões estamos tocando os céus. VAMOS CONTINUAR FIRMES NA INTERCESSÃO DO POVO NORTE-COREANO.

Curiosidades da Coreia do Norte

– Você sabia que a Coreia do Norte possui a décima maior produção de frutas do mundo. 

Motivos de Oração em Favor da Coreia do Norte

– Ore por esse relatório da ONU. Ore para que a comunidade internacional possa unir seus esforços no sentido de uma mudança radical na Coreia do Norte.

Coreia do Sul 

Se você deseja fazer parte desse exército, por favor, envie um e-mail para projetoabraao@gmail.com, fornecendo seu nome completo, telefone, igreja e e-mail. Se preferir, envie estes dados pelo correio para o endereço: PROJETO ABRAÃO – Rua Goiás, no 631 – Parque Nacional – Juquiá, SP – CEP 11800-000. Acesse o blog: http://projetoabraao.blogspot.com.br/

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos