Skip to content

Miss. Tábata Mori

Logo antes da China ser tomada por comunistas, um comunista fez uma grande revelação para o missionário John Meadows:

“Vocês missionários têm estado na China por centenas de anos, mas vocês não ganharam a China para a sua causa. Vocês lamentam o fato de haver milhões de pessoas que nunca ouviram o nome do seu Deus. Nem mesmo sabem alguma coisa sobre seu Cristianismo. Mas nós, comunistas, estamos na China a menos de 10 anos e não existe um chinês que não conhece… nunca ouviu o nome de Stalin… ou alguma coisa sobre o comunismo. Nós temos enchido a China com a nossa doutrina. Agora, deixe-me falar porque vocês têm falhado e nós temos tido sucesso… Vocês tentaram ganhar a atenção das massas construindo igrejas, missões, hospitais, escolas e muito mais. Mas nós, comunistas, temos imprimido nossa mensagem e espalhado nossa literatura pela China. Um dia, nós vamos expulsar vocês missionários para fora do nosso país, e vamos fazer isso através da página impressa.”

Esta história está registrada no livro Revolution in World Missions, de K.P. Yohannan (2004, p. 115, tradução minha).

Se nós fizermos uma busca rápida no Google, não vão faltar notícias de missionários sendo expulsos da China, hoje, mais de 40 anos depois da morte de Mao Tse Tung. No fim das contas, parece que o Pequeno Livro Vermelho, não era tão pequeno assim, pelo contrário, ele fez seu papel de educar e influenciar a terceira maior nação do planeta. John Meadows e outros missionários têm negligenciado o papel da literatura como instrumento nas mãos de Deus. O Projeto Baruque: por uma Igreja que conhece, vive e proclama o evangelho de Jesus quer mudar essa história. Se é para educar e influenciar, que seja com valores do Reino!

Dados político-religioso das pessoas não religiosas:

[O Futuro da Igreja Global, Patrick Johnstone, 2017, p. 71.]

  • A maioria dos não religiosos vive em países comunistas; Ø 78,7% dos não religiosos do mundo são asiáticos;
  • Ateus comunistas mataram cerca de 32 milhões de cristãos no século 20;
  • Em 2008, havia 52 milhões de pessoas que professavam não ter religião nos países que já foram declaradamente comunistas;
  • China e Vietnã aproximaram-se de uma economia capitalista, preservando o sistema unipartidário do comunismo.

Campanha Livros ao Mar

Encontro de Missionário da APMT da Base Oriente Médio

Campanha para levantamento de recursos para o envio por transporte marítimo (o mais barato), de 500 livros, em português e inglês, que serão a biblioteca de consulta do Projeto Baruque. Os livros são 100% da minha biblioteca pessoal. São comentários bíblicos e outros livros de caráter teológico, livros cristãos sobre diversos temas, romances, crônicas e poesias. Por que uma biblioteca de consulta? Se vamos publicar livros em Tétum, precisamos ter algumas opções em mãos para então decidir qual a literatura que melhor responde aos anseios da Igreja timorense.

Encontro

Em junho, participei do Encontro da Base Ásia da APMT. A reunião congregou 24 pessoas para pensar e planejar o crescimento do Reino na região, além disso, pude conhecer vários colegas de caminhada missionária e ouvir as maravilhas que Deus têm feito no continente asiático. Orem pelos resultados desta reunião!

Ore

  • Pela minha saúde física, emocional e espiritual;
  • Este mês completo 39 anos;
  • Novas parcerias para completar o orçamento;
  • Pelas viagens para Anápolis e região, Viçosa e região, para visitar parceiros e novas igrejas;
  • Pela minha família, em especial, pela Dandara, filha da Luana, que chega ao mundo este mês.

 

Missionária Tábata Mori

Projeto Baruque

Missão: Estimular a leitura, prover excelente e suficiente literatura de cunho bíblico e teológico, treinar a Igreja para colocar em prática seu conhecimento sobre Deus.

Acesse o Projeto Baruque em: goo.gl/AqbL9i

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos