Skip to content

Miss. Kelly Pires

Projeto Florescer – Bolívia, junho de 2020

“Tudo posso naquele que me fortalece.” Filipenses 4.13

Como aconteceu com a maioria de nós, de repente vi minha rotina, agendas e planos de trabalho serem totalmente alterados devido a pandemia mundial. Aqui em Bolívia os primeiros casos de COVID-19 surgiram no início de março e logo entramos em quarentena. Após 76 dias praticamente sem podermos sair de casa, a cidade iniciou um processo de flexibilização com a abertura do comércio e liberação dos transportes e circulação em horário reduzido. Porém, com o agravamento da situação e sobrecarga dos hospitais, estamos entrando em quarentena rígida outra vez. Mas, como o apóstolo Paulo nos ensina em sua carta aos filipenses, na força de Cristo, podemos enfrentar com contentamento todas as circunstâncias.

Como está a missão durante a pandemia?

Privados de nossos encontros presenciais, nos voltamos para os meios virtuais (graças a Deus pela tecnologia!). Duas vezes por semana temos reuniões com adultos e uma vez por semana com crianças. Além disso, temos feito gravações de pequenos vídeos com histórias infantis que enviamos por whatsapp com a indicação de versículos bíblicos para que as crianças memorizem. Assim, as incentivamos a nos enviarem áudios com os versículos memorizados. Por limitação de internet e recursos, infelizmente a maioria não pode participar e temos dificuldades em manter contato. Grande parte da população aqui vive do comércio informal. Com a crise, muitas famílias perderam seus postos de trabalho e fonte de renda. Assim, iniciamos a distribuição de alimentos, máscaras de proteção e literatura bíblica a algumas famílias da comunidade, especialmente das crianças que frequentam nossas atividades.

Uma boa surpresa desse período de isolamento foi a oportunidade de me reunir virtualmente também com irmãos e igrejas do Brasil. No dia 17 de maio participei da Conferência Missionária Online promovida pela Igreja Presbiteriana do Alto Vera Cruz, e nos dias 18 de maio e 11 de junho estive com a Igreja Presbiteriana Nova Jerusalém e Igreja Presbiteriana do Xangri-lá, respectivamente. Todas de Belo Horizonte. Grata pelo privilégio de estar com os irmãos e compartilhar algo do nosso trabalho aqui.

Novas oportunidades de servir

Estou integrando a equipe de facilitadores do Philhos, um setor do CIM – departamento de cuidado integral do missionário da AMTB (Associação de Missões Transculturais Brasileiras) – que promove o bem estar do filho de missionário e sua família. Temos nos reunido semanalmente em pequenos grupos virtuais para dar suporte aos filhos de missionários de diferentes localidades nesse período de pandemia e pós pandemia.

Ore comigo

  • Pelo cuidado e proteção de Deus aos meus familiares no Brasil;
  • Pela minha saúde física e emocional;
  • Pela firmeza na fé de nossos irmãos aqui nesse tempo de incertezas;
  • Por sabedoria na condução do nosso trabalho nesse período de distanciamento;
  • Pelo bem-estar das crianças e suas famílias;
  • Pela situação de Bolívia no enfrentamento da pandemia, pois os recursos são escassos e os hospitais da nossa cidade já estão sobrecarregados.

Sejamos gratos

  1. Agradeço a Deus pela fidelidade das igrejas e demais irmãos e amigos na nossa parceria ministerial;
  2. pelas boas oportunidades de serviço que surgiram nesses dias;
  3. pelos missionários de base da APMT que têm feito um precioso trabalho e por tantos outros irmãos e irmãs que nos abençoam através de suas constantes orações e ofertas.

Agradeço a você pelo tempo dedicado na leitura dessa carta e por caminhar comigo até aqui. Louvo a Deus por sua vida! Os tempos são incertos, mas o Senhor é nossa fortaleza. Fique firme!

Kelly Pires

kellypiresp@hotmail.com

+591 77496207

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos