Skip to content

Familia Barros (Brasil) – 27/05/2013

“…pelo contrário, alegrai-vos na medida em que sois co-participantes dos sofrimentos de Cristo,” I Pedro 4:13 

 

Amados irmãos e amigos, parceiros na causa do evangelho. A Graça e Paz.

MUDANÇAS

Como vocês sabem nossos planos para 2013 foram alterados, A* esta tendo que passar por um tratamento muito sério e achamos melhor fazê-lo no Brasil contando com o auxílio e apoio emocional da família e igreja.

Em prazo recorde tivemos que deixar nosso trabalho no sul da Ásia nosso apartamento, nossos amigos, escola dos filhos, etc. E novamente nos estabelecermos no Brasil após 20 anos vivendo distante da nossa pátria.

Foram dias de muito trabalho e tensão, pois precisávamos de tanta coisa em tão pouco tempo.

O MISTÉRIO E A BENÇÃO DA DOR

O sofrimento é visto com horror na nossa sociedade, nos protegemos ao máximo das provações, lutas e dor; porém elas chegam, mais dia menos dia baterão a nossa porta e antes mesmo de abrirmos já entrarão.

Por toda a escritura, vemos o senhor Jesus e outros tantos homens de Deus experimentando momentos de dores e perdas, a história de grandes homens de ontem e hoje não é escrita a não ser com muito suor, lágrimas e sangue.

Uma vida de filho do rei isenta de dor e gozando apenas das benesses do reino é uma falácia que não encontra respaldo algum no novo testamento.

No nosso texto inicial, o apóstolo Pedro escreve a uma comunidade Cristã sofrida, perseguida, dispersa. O tema da dor era comum e recorrente nas cartas de Pedro.

Qual deve ser nossa atitude diante da dor? E quais atitudes vemos em nossa sociedade e vizinhos?

O texto acima da uma resposta completamente avessa da postura de muitos de nós e também da nossa sociedade. Alegria em meio a dor.

O bom pastor é o mesmo Deus de amor, compreensão e bondade que entende nossa dor e sem nos criticar nos permite as vezes ser fraco, chorar e entristecer; Porém, Ele é também o mesmo que nos fortalece para até nos alegrarmos em meio as lutas e enfrentarmos o sofrimento em paz e no conforto do Espírito Santo.

CASA NOVA, PROVISÕES E GRATIDÃO

Como família temos experimentado a paz, alegria, provisão e conforto do Senhor a cada novo dia, nosso coração se alegra ao vermos cada detalhe sendo cuidado.

Constantemente me vêm à memória a passagem de Êxodo 17 onde Moisés já cansado não consegue manter os braços levantados e assim continuar vencendo a batalha contra Amaleque, ele é então auxiliado por Arão e Hur, eles sustentam seus braços e Israel obtêm a vitória.

Os braços da familia têm sido sustentados por um número grande de amados irmãos e irmãs que das mais variadas formas se colocam ao nosso lado e nos amparam.

Como é bom sentir cada gesto, uma oferta extra, recadinhos por e-mails, skipe ou face book, ofertas para o aluguel, visitas, telefonemas, saborosas refeições, empréstimo do carro, presentes para nós ou nossa nova casa e tantas orações chegando ao trono do Pai ao nosso favor, sustentando nossos braços.

Que bom ver a família da fé se mobilizando e colocando em prática a ordem de amarmos, esse é nosso maior e mais poderoso testemunho.

Já se passaram quase três meses que chegamos ao Brasil e a cada dia vamos nos acostumando com a nova realidade.

Alugamos uma casa muito gostosa com um jardim gramado onde diariamente muitos pássaros chegam para alegrar nosso dia. Ela fica próximo da casa da mãe da A* e da escola das “crianças”.

Os familiares e alguns amigos se mobilizaram e mobiliaram nossa nova casa com muito bom gosto, tudo novo e do melhor.

A escola das crianças, Mackenzie, é excelente, entre as melhores do Brasil, através da APMT e Igreja Presbiteriana do Brasil nos deram 100% de bolsa, o ensino é puxado e tem exigido bastante deles, mas eles estão crescendo e certamente esta sendo uma grande experiência para suas vidas.

Pela primeira vez estão realmente experimentando o Brasil e aprendendo no dia a dia o que é ser brasileiro.

TRATAMENTO DA A*

A* tem passado pelas sessões de quimioterapia como uma guerreira, enfrenta sem murmurar os efeitos da química em seu corpo. Deus tem sido bondoso e amenizado muito os efeitos. As primeiras quatro sessões de 21 em 21 dias terminaram, agora dia 27/05, iniciaremos uma nova etapa, serão mais 12 sessões a cada 7 dias.

Amados continuem a sustentar os nossos braços.

Tem sido muito bom estar próximo dos familiares, tê-los sempre por perto tem sido muito encorajador, a mãe da A* prepara um delicioso almoço para nós todos os dias, minha irmã e mãe de Sorocaba estiveram por 9 dias conosco, foi ótimo.

O TRABALHO NA ÁSIA E O DIA A DIA DO E*

Além de ser o motorista de plantão 24 hrs por dia, via skype tenho mantido constante contato com os rapazes da Ásia, os trabalhos com o futebol, a igreja e os cultos familiares seguem normalmente, graças a Deus pela tecnologia que na medida do possível, mesmo tão longe, me permite dar-lhes orientação e pastoreio.

Duas amigas brasileiras tem nos apoiado também na Ásia, semanalmente elas tem ensinado Inglês e feito discipulado com algumas adolescentes da nossa comunidade, oremos para que através desses contatos suas vidas sejam impactadas e transformadas.

Antes da enfermidade da A* minha hérnia de disco pressionava meu nervo ciático causando dores diárias, louvo a Deus, pois desde que cheguei ao Brasil elas quase desapareceram.

AGRADEÇA E ORE CONOSCO

– Pelo cuidado tão especial recebido dos amigos, familiares e igrejas.

– Pelo tratamento, reações e a recuperação minha esposa.

– Pela escola e os estudos dos nossos filhos

– Pelos rapazes responsáveis pelo trabalho

– Pela direção do Pai para cada nova etapa nossa aqui no Brasil.

 

Em Jesus. Sábio demais para cometer erros e amoroso demais para causar desnecessária dor.

 

Familia Barros  

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos