Rev. Gustavo Custodio e Sarah (Kossovo) 13/03/2019


 

Olá amigos e parceiros de missão.

Graça e paz a todos que tem nos acompanhado neste primeiro ano no Kosovo. Desde nosso último contato, muitas coisas Deus fez em nós e através de nós. Este tem sido um momento diferente dos outros que vivenciamos até agora. No final de fevereiro ficamos sabendo que deveríamos aplicar novamente o visto de residência, até ai tudo normal, mas, as dificuldades para aplicar o visto são enormes.

 Estamos trabalhando junto com um grupo reformado existente no Kosovo e os apoiando na abertura da igreja, até que tenhamos a condição para seguir o plantio de outra igreja. Os desafios para a igreja reformada no Kosovo são gigantes, somos um grupo bem pequeno e por ser uma minoria, diante de uma sociedade de 96% muçulmana, acentua ainda mais a dificuldade.

Eu e Sarah estamos trabalhando nos relacionamentos individuais, todos os dias pedimos a Deus intrepidez e ousadia para continuar pregando as boas novas. Graças ao bom Deus tem havido abertura para que possamos testemunhar da nossa fé em Cristo. Agora estamos preparando um momento de distribuição de literatura. Conseguimos uma caixa de Bíblia e estamos pensando na melhor forma para deixar estas Bíblias nas mãos das pessoas com quem temos investido tempo. Há grandes dificuldades para um muçulmano portar a Bíblia em casa, normalmente tem que ser as escondidas. Oramos a Deus para que aqueles que ganharem as Bíblias possam ter os olhos abertos a mensagem da cruz.

Em fevereiro interrompemos o projeto futebol momentaneamente. Estamos repensando em como reabrir o projeto em uma estrutura melhor e que tenha condições de atender mais crianças. Até o momento não conseguimos retornar com as atividades. Já o projeto com as mulheres deve retornar em março ou abril. A ideia é abrir o curso de maquiagem a fim de que elas sejam capacitadas para o mercado de trabalho. Ore por nós para que tenhamos os materiais necessários para a realização do projeto.

Seguimos estudando a língua albanesa. Os estudos diários neste momento são feitos com a leitura das escrituras na língua albanesa e isto tem nos ajudado na abordagem evangelística, já que começamos a ter um vocabulário bíblico, teológico que nos ajuda a expor nossa fé. Ainda não conseguimos uma professora particular que nos ensine melhor a estrutura gramatical do idioma. Um dos obstáculos é o valor que se cobra, que neste momento, torna-se inviável.

As vitórias que temos a compartilhar neste momento são as atividades de reuniões com pastores e líderes locais que tem nos ajudado a entender melhor a mentalidade e a maturidade cristã existente aqui. Graças ao bom Deus os rumores de um novo conflito com a Sérvia foram atenuados e seguimos nossa rotina de trabalho normalmente.

Os desafios para este ano são: Continuar pregando o evangelho abertamente e individualmente. Ampliar nossas atividades de distribuição de literatura e organizar um espaço onde futuramente tenhamos a Igreja Presbiteriana no Kosovo.

Rogamos aos irmãos que continuem orando incessantemente para que Deus nos de todas condições necessárias para promover a proclamação do evangelho. Agradeça a Deus por todos os parceiros, sejam igrejas ou pessoas físicas. 

 

Rev. Gustavo Custório e familia

 

Comentários