Skip to content

Cácio Silva e Elisângela

Brasil/Projetos, julho de 2021

 

Gratos a Deus pelas novas oportunidades e novos desafios nessa nova fase da caminhada, pedimos que estejam conosco em oração.

  1. Família: Em meio a esses dias conturbados, estamos guardados no Senhor e nos adaptando a São Paulo. Orem por Maria Elisa, agora com 13 anos, pois sua adaptação está sendo desafiadora.
  2. Amanajé: A equipe, agora com 45 missionários em 24 ministérios, segue em bom processo de transição de liderança, com Ademir e Ester na coordenação. Louvemos a Deus por isso.
  3. Yuhupdeh: A igreja segue firme, os líderes locais animados, um novo convertido sendo discipulado e nasceu a primeira filhinha do presbítero Márcio Yuhupdeh. Oremos por novos missionários, para acompanhamento da igreja, avanços na evangelização e apoio à educação.
  4. APMT: O novo ministério vai ganhando forma. Tivemos a alegria de acompanhar 7 novos missionários em fase final de aprovação para 5 diferentes campos, bem como, a ida de outros 4 para o leste europeu e oriente médio. Somos agora 258 missionários, responsáveis por 154 projetos em 42 países. Nos últimos meses, trabalhamos intensamente com todos na implementação de um novo modelo de gestão ministerial, bem como, contatos de cuidado pastoral (nas Américas), orientação missiológica e aquisição de línguas com dezenas. Estamos em diálogo também com cerca de 70 candidatos a missionários, alguns já com orientação na elaboração de projetos e outros ainda nos passos de preparação. Os contatos têm sido tanto online quanto presenciais com missionários e candidatos quando passam por São Paulo. Muito alegres em ver que há um avivamento missionário em curso na IPB e amplas possibilidades de avanços para as regiões mais carentes do mundo. Louvado seja Deus. Oremos por sabedoria e discernimento do Alto.
  5. Plantio de Igreja: Orem também por um novo e animador desafio que decidimos abraçar. Perto da nossa moradia, na Zona Leste de São Paulo, há uma comunidade urbana chamada “Pira”, com cerca de 4 mil famílias, dentre as quais mais de 300 são de imigrantes de várias origens, como haitianos, angolanos, congoleses e bolivianos (inclusive indígenas Quéchuas), com graves carências e sem uma igreja relevante entre eles. Estamos iniciando passos de coordenação do plantio de uma igreja multicultural ali, juntamente com um grupo de preciosos irmãos, incluindo seminaristas e aspirantes a missionários. Cerca de vinte pessoas já estão se reunindo nas quintas-feiras, num pequeno espaço, para ouvir a Palavra e receber oração. Por favor, unam-se a nós em oração pelo breve nascer de uma igreja.

Nas pegadas do Cordeiro,

 

Cácio e Elisângela Silva

[email protected]

Fone: 11 98116 8910

www.apmt.org.br        www.wecamazonia.org.br

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos