Logo APMT
Logo APMT

Viagem para Albânia - Projeto “Saúde Alegre para os Balcãs”

16/11/2023 03:00:00

Venha participar do projeto “Saúde Alegre para os Balcãs” – Albânia.

Albânia é um pequeno país, nos Balcãs pertencente ao Leste Europeu, sua capital é Tirana, o idioma é o albanês e está entre os 20 menores e mais pobres países da Europa. A população é dividida em 60% de muçulmanos e 10% de Católicos Romanos.

Em outubro participamos pela segunda vez deste projeto liderado pelo competente pastor Benilton, sua esposa Nancy e irmãos albaneses.

A cada dois anos se forma uma equipe de brasileiros, todos voluntários, que por duas semanas, trabalham em várias cidades atendendo a população carente e também os irmãos das Igrejas.

Os voluntários são todos convictos deste chamado de curto prazo em campos missionários e participam: enfermeiras, recepcionistas, gente “Bombril”, tradutores (português-albanês), pastores, missionários, aposentados, curiosos, aventureiros, protéticos, dentistas e médicos. A união da equipe tem como finalidade colaborar e enraizar o Reino de Deus no campo missionário da Albânia.

Os membros da equipe em números de 23 pessoas vieram dos “quadros cantos do mundo” como Afeganistão, Áustria, Portugal, Austrália, Itália, S. José do Rio Preto –SP, Limeira / SP, Vilhena e Ji-Paraná/RO.

Onde existir, na Albânia, uma igreja evangélica sendo implantada, haverá uma animada e responsável equipe atuando incansavelmente.

Diariamente as experiências no campo missionário transcultural nos trazem momentos inesquecíveis e um deles foi a inauguração da Igreja Presbiteriana em Tirana, através do Pastor Benilton e nossa amada APMT (Agência Presbiteriana de Missões Transculturais).

Na inauguração o cultuar de adoradores de todas as nações naquele local reservado para culto e a Glorificação do nosso Deus, foi e será inesquecível para todos nós “... e a Glória de Deus tomou aquele lugar”, após o culto inaugural, serviram o coquetel e o esperado bolo.

O segundo momento foi o testemunho de uma irmã albanesa sobre uma lei guardiã (medo) muito antiga que existe no país a “vingança de sangue”, onde uma família se vinga a morte de um deles, assassinando alguém da outra família.

Um pastor muito amado na Albânia se viu envolvido na “vingança de sangue” e sendo ele o próximo a ser assassinado não fugiu ou mesmo se escondeu. Mas o dia da “vingança de sangue” se fez com um disparo a “queima roupa” em frente da sua filhinha.

A pobre viúva, confusa em seus sentimentos adquiriu o poder de escolher a próxima vítima em troca do seu esposo, mas dia após dia teve seu coração transformado por Deus.

Então, ela revolveu conversar com o assassino, e sentados em um bar, olhando fixamente em seus olhos, expõe o amor de Jesus, o seu perdão e salvação, em seguida diz – “Eu te perdoo, porque Deus me perdoou os meus pecados em Jesus Cristo e me deu a vida eterna”. O assassino ficou paralisado por muito tempo ali sentado, enquanto a mulher saia lentamente do bar. O testemunho vem correndo o mundo e a lei da “vingança de sangue” têm com os seus dias contados na Albânia.

Atualmente várias famílias albanesas por anos, estão trancadas em suas casas sem poder sair, pois estão jurados de morte pela lei da “vingança de sangue” e somente são atendidos por dentistas e médicos da Equipe do Projeto.

Talvez você esteja lendo este artigo e se perguntando, quanta disposição destas pessoas e profissionais envolvidos. Deve ser muito interessante. Mas onde eu me encaixo neste projeto? Eu, sinceramente não sei, mas sei algo muito importante e vital, se não houver o abandono do seu pequeno, egocêntrico e religioso mundinho, e continuar se satisfazendo de coisas, aconchego familiar e respeitando sua zona de conforto, você não irá. Lembre-se que nossa finalidade aqui no mundo, como homens criados por Deus é adorá-lo, glorificá-lo e encher a terra (confins) com outros adoradores.

São indescritíveis os momentos onde conhecemos “outro Jesus” com a pele queimada do sol, pés sujos e doloridos de tanto andar e em sua companhia encontramos muito trabalho, alegria e boas gargalhadas com todos seus discípulos.

Gentil & Neuza Lima Mauro
Médicos em Vilhena/Rondônia
Mobilizadores da APMT

Publicações recentes:

A Igreja e o cumprimento da Missão

Artigos

Ronalda e Joseph Nassakou

Cartas de Missionários

Família Di Castro

Cartas de Missionários

Rev José Dilson e Marli

Cartas de Missionários