Skip to content

Ashok e família

Ásia, novembro de 2022

A benção e o mistério da dor

Porque ele faz a ferida e ele mesmo a faz sarar; ele fere, e as suas mãos curam. Jó 5:18

Entender e conviver com o sofrimento e a dor é uma das grandes tarefas e mistério da nossa vida.

Após 5 anos de muita dor, finalmente a T. deixou a Índia, ao longo desses anos, muitos nos perguntaram: vocês entenderam o porquê ou para que Deus permitiu tudo isso acontecer? O que mais aprendemos foi confiar, confiar no Deus que é sábio demais para errar e amoroso demais para nos ferir sem motivo.

Então, mais do que entender o porquê ou o para que, entendemos que devemos aprender o como: Como devo reagir, como devo esperar? O salmista diz: esperei confiantemente no Senhor, confesso que não foi fácil, e que várias vezes minha confiança esteve abalada. Não consigo entender os seus caminhos e pensamentos, eles são mais altos que os meus, apenas sei que o caminho de Deus é perfeito. Um novo ciclo se abre para a vida da Tamires, e nossa oração é para que possamos continuar a caminhar sempre em seus caminhos.

Que Deus tenha misericórdia de nós, e abençoe nossas vidas, nossas famílias, e nos ensine a ver a presença amorosa de Deus e caminhar com Ele mesmo nos difíceis momentos de dúvida e dor.

FAMÍLIA

A. está bem, passou bem pela segunda cirurgia e esta feliz com a chegada da T. .

O J. está vivendo em Portugal, graças a Deus deu tudo certo com as viagens e a moradia dele na cidade do Porto. Ele esta feliz e trabalhando bastante para manter todas as suas despesas em dia.

Nosso desejo é que ele encontre logo uma comunidade cristã para que ele possa congregar, desfrutar da luz e ser luz.

Nossa filha T., deixou a Índia e pôde passar um ótimo tempo com o J. em Portugal. Também pode visitar algumas amigas na Europa, cremos que esse tempo intermediário entre Índia – Brasil tem sido muito bom para ela.

Ela chegou dia 23 de Novembro, que delícia poder abraçá-la e beijá-la. De 4 a 16 de dezembro estaremos participando do Oásis em Anápolis, uma organização especializada em cuidar de missionários e famílias que passaram por situações de stress, perseguições, conflitos, etc.

Nossa oração, é que ela se adapte bem ao retorno no Brasil e que Deus guie cada um de seus passos futuros.

NOSSAS ATIVIDADES

Louvamos a Deus pelo trimestre julho a setembro, além do nosso trabalho na liderança da Base Ásia da APMT, e do trabalho com nossos jovens da Índia, foram inúmeras oportunidades de visitar igrejas, pregar a palavra de Deus e compartilhar sobre missões e sobre nossos planos futuros.

Estar com 50 filhos de missionários, vindos de várias partes do mundo, foram dias mais do que especiais, não temos palavras para agradecer a gratidão que sentimos ao ouvir tantos e belos testemunhos sobre a importância do encontro na vida desses jovens.

O trabalho na Índia continua sendo um grande desafio, se manter firme e frutificar em uma região de grande oposição espiritual é um grande desafio, porém R. , M. e J. seguem crescendo, trabalhando e liderando reuniões semanais  com os jovens, crianças e com as viúvas.

Louvamos a Deus por suas vidas e dedicação ao serviço do Reino.

Louvamos a Deus por um empresário que apoiou o Rahul por vários anos, porém não poderá continuar a partir de 2023, orem conosco por sua provisão.

 

A APMT me pediu para liderar a Base Ásia, nosso objetivo é nos conhecermos, sermos amigos e apoiarmos uns aos outros, que privilégio conhecer os vários projetos e acompanhar o belo trabalho e dia a dia desses nossos queridos irmãos e irmãs.

Para melhor servirmos a Base Ásia devemos viver na região, e essa é uma região com restrições para permanência de longo tempo, questões de vistos, documentações e parcerias devem ser cuidadosamente decidido, estamos orando pelo Camboja e aprendendo amar esse país; estamos animados e trabalhando juntos com a APMT para que se Deus quiser em breve possamos viver ali.

Que privilégio nesse trimestre poder visitar várias igrejas e falar sobre os desafios da obra missionária.

Louve ao Senhor conosco

  • Pela chegada da Tamires e o cuidado de Deus para nossa família.
  • Pelo carinho e fidelidade das nossas igrejas e parceiros
  • Pelo privilégio de falar de missões em vários lugares e igrejas
  • Pela Base Ásia e as famílias dos obreiros servindo na região.
  • Pelo trabalho na Índia, nossos líderes, crianças, jovens, viúvas.
  • Pela vida dos nossos filhos, Tamires e Jonatan
  • Pelos documentos e parcerias para o nosso retorno a Ásia.

 

Nosso abraço. Deus os abençoe. Em Jesus nossa alegria e glória.

Pr. Ashok e Família.

 

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos