Skip to content

Abençoados para abençoar

Nestas últimas semanas temos ensinado os nossos filhos 1João 8:8 “Aquele que não ama não conhece a Deus, por que Deus é amor”. O amor de Deus em nossas vidas é a chave para tudo o que fazemos e como fazemos. Deus nos manda em 1Co 16:14 NVI “Façam tudo com amor”. Imagine como seria nossas vidas, nossas família e o mundo de forma geral, se tudo que fazemos, fosse obedecendo este mandamento: “Façam tudo com amor”, imagine como seriam a relação dos casais, se em cada tarefa da casa, tudo fosse feito com amor, em cada momento que tomamos para conversar, fosse feito com amor, na hora de cozinhar, lavar, passar, limpar a casa, colocar o lixo pra fora, etc. Poderíamos dizer que estaríamos vivendo o céu aqui na terra. Ou, como seria as nossas atividades da semana em nosso trabalho, nos estudos, com os amigos ou no trânsito? E este mandamento é também para nós, dentro da igreja, em nossas atividades cristãs. Como pastor, presbítero, diácono, professor, superintendente da Escola bíblia Dominical, diferentes sociedades na igreja, ministérios, etc, porque tudo devemos fazer com amor!

O amor deve ser a fonte de motivação de todas as nossas ações, amor deve ser a força motivadora da ação missionária da igreja. A Bíblia diz que Deus amou o mundo que deu o Seu filho por nós, o amor foi o motivador da ação salvadora de Deus por nós. 2Co 8:9 NVI deixa bem claro: “Pois vocês conhecem a graça de nosso Senhor Jesus Cristo que, sendo rico, se fez pobre por amor de vocês, para que por meio de sua pobreza vocês se tornassem ricos”. Deus deu um amor sacrificial, abnegado e comprometido, por amor.

Todos os que estamos em Cristo pelo novo nascimento, fomos abençoados por este amor tão singular. E a nossa responsabilidade também é de abençoar, Mateus 10:8 nos exorta “… Vocês receberam de graça dêem também de graça”. Dar não é uma opção é um mandamento. Dar não é dar, até que o damos, e o nosso dar, como ato de serviço, tem que ser motivado pelo amor: “Façam tudo com amor” uma famosa frase missionária anónima nos ensina: “Pode-se contribuir sem amar, mas não se pode amar sem contribuir” Por isto podemos dizer que é algo engraçado que um cristão diga que ama a Deus, a obra missionária, os missionários, e sempre tem uma boa desculpa para não contribuir. Realmente está faltando amor nesta vida! Outro pensamento interessante é: “A indiferença encontra uma desculpa, o amor sempre encontra um caminho”. 

Não esqueça! Façam tudo com amor, porque o amor é o vínculo perfeito.

 

Por Kênica e Jairo Rodrigues, missionários no Per

Compartilhe esta postagem

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on twitter

Últimas postagens

Você pode contribuir para o Evangelho a qualquer momento com sua oferta.
Informativos