Rev. Dirceu Mendonça e Tirza (Espanha) 19/08/2017


"Em todas as minhas orações em favor de vocês, sempre oro com alegria por causa da cooperação que vocês têm dado ao evangelho desde o primeiro dia até agora". Filipenses 1:4‭-‬5
 

Hoje completamos 14 anos que saimos do Brasil e as lembranças são inevitáveis. Há 14 anos, nós quatro estávamos no aeroporto com 8 malas grandes e 4 de bordo carregadas até a última grama permitida com praticamente todos nossos pertences. Também estávamos emocionalmente sobrecarregados. Estávamos deixando nosso país, deixando nossa família, deixando nossos amigos, deixando nossa igreja, deixando nossos costumes, nossa comida e nosso idioma.

Nesse momento, tudo isso retumbava em nossa cabeça. Também retumbavam palavras criticas ditas a nós, dizendo que era uma irresponsabilidade sairmos com duas crianças para um futuro tão incerto, ou que estávamos saindo só para dar um futuro glamuroso para nossos filhos; que Europa não é lugar de missões. 
 
Hoje faz 14 anos que, já na porta de embarque, orei pela última vez a Deus que não nos permitisse sair do Brasil se estávamos equivocados no chamado missionário.

Graças a Ele aqui estamos 14 anos depois, agradecidos ao Senhor por nossa caminhada e pela segurança e certeza de que estamos debaixo da Sua vontade; que nossa família está cumprindo Seu chamado.

Por esses 14 anos, somos gratos a Deus por cada um de vocês que tem caminhado conosco, ampliando o "ide por todo o mundo".

Agradecemos ao Senhor por vocês que tem nos apoiado com a oferta fiel a cada mês, sendo fiel com a obra aqui. Sabemos que vocês abrem mão do beneficio próprio para nos beneficiar. 

Agradecemos as cartas, os e-mails, os telefonemas, os cartões... Tanta demonstração de carinho e amor por nós e pela obra aqui.

Agradecemos a vocês que tem nos animado a seguir adiante mesmo com os resultados, humanamente falando, tão insignificantes diante do tamanho dos desafios que temos diariamente. Quando chegamos aqui o espanhol dizia que não necessitava de Deus porque ele tinha tudo. Depois de 10 anos de uma impiedosa crise econômica, ele não quer saber de Deus porque pensa que foi abandonado por Ele.

Agradecemos a Deus por você fazer parte deste projeto.

Que o senhor abençoe a cada um de vocês.


ORE CONOSCO

Pelas nossas atividades esportivas com o ping-pong e o pebolim. A afluência de crianças, adolecentes, jovens e adultos do bairro tem sido muito boa. Os irmãos da igreja estão sempre presentes. Louvamos ao Senhor por essa oportunidade. 

Contamos também com suas orações pela escola de música, onde além das aulas normais, estaremos preparando instrumentistas para uma das igrejas da região que não tem ninguém para tocar (são 7 alunos).

Em Cristo,

Tirza, pela Familia Mendonça
 

Comentários